Os 40 anos da ACM Itaquera

content image

A unidade Itaquera da Associação Cristã de Moços de São Paulo, completou quatro décadas de atuação em prol do ser humano e, dia 24 de maio, comemorou oficialmente seu aniversário no majestoso Espaço Fernandes, na Rua Azevedo Soares nº 2.732 no bairro do Tatuapé, onde estiveram presentes   profissionais, voluntários e convidados da ACM, que contribuíram com a construção de sua história, além do prefeito regional de Itaquera e senhora, o médico Jacinto Reyes e a médica Vânia Reyes, o chefe de gabinete Douglas Buscaratto, a assessora do vereador Toninho Paiva, Norma Fabiano, como  representantes do poder público municipal. Mas a parte da solenidade que mais brilhou foi a apresentação do cantor da Jovem Guarda Ary Sanches, interpretando músicas do cancioneiro Italiano. Em 40 anos, a unidade permaneceu e continuará a trilhar seu caminho com o foco total no ser humano, promovendo bem-estar, saúde e educação integral à sociedade, fortalecendo pessoas, famílias e a comunidade itaquerense, colaborando, assim, com a ACM / YMCA São Paulo na missão de construir um mundo melhor. A ACM Itaquera fundada em 20 de março de 1977, possui, atualmente, cerca de 3 mil associados e atende a mais de 500 beneficiários dos programas sócio assistenciais, que participam de atividades físicas e culturais, gratuitamente, respeitando os valores e a missão institucional e só tem crescido desde sua inauguração. Nos últimos anos, por exemplo, passou por processos de modernização e ampliação de sua infra-estrutura, para oferecer aos associados e à comunidade local espaço para condicionamento físico com moderna aparelhagem, esteiras e bicicletas; aulas temáticas com educadores de qualificados; um ginásio poliesportivo; uma piscina semi-olímpica coberta e aquecida e outra externa com solarium. Tudo isso e muito mais, em um ambiente familiar aconchegante, num clima de amizade e com variedade de atividades e horários flexíveis.
SOBRE A ACM / YMCA SÃO PAULO
A ACM de São Paulo é uma instituição filantrópica e beneficente conhecida por sua programação diversificada, que inclui além de atividades esportivas, programas culturais e de lazer para todas as faixas etárias, envolvendo toda a família. Sua atuação, no estado de São Paulo, é expressiva: 12 unidades esportivas e 20 pontos de atendimento social, entre eles, 07 Centros de Desenvolvimento Comunitário e 01 Centro de Desenvolvimento Infantil, que proporcionam saúde e qualidade de vida para mais de 35 mil associados e 10 mil beneficiários. Nas 12 unidades, associados e beneficiários podem praticar esportes em ginásios poliesportivos e quadras de Society, musculação, ginástica, Treinamento Funcional, Natação e Hidroginástica em piscinas semi-olímpicas aquecidas e muitas outras atividades. A Instituição ainda promove temporadas em acampamentos, intercâmbio, cursos de idiomas no exterior e viagens de aventura.
A ACM / YMCA São Paulo está entre as dez maiores instituições filantrópicas no Brasil em volume de atendimento e projetos socioculturais. Em 2017, a Instituição completará 115 anos de existência!
UM POUCO DE HISTÓRIA 
Em 20 de março de 1977 pela manhã, do céu azul de brigadeiro surgiram para-quedistas dos “Acemistas Voadores” liderados pelo comandante Pizarro, quando  Itaquera teve a honra de ver inaugurada uma das instituições mais sérias do Mundo, a YMCA, na época com sedes em mais de 200 países. A princípio estranha à cultura local, muitos itaquerenses receberam-na com desdém, pensando tratar-se de uma coisa de “seres alienígenas”, invasora da sociedade local e que queria desbancar outras entidades do bairro, principalmente, pensavam, o Clube Elite Itaquerense. Com uma sede belíssima, de linhas retas e modernas com concreto aparente envernizado, toda envidraçada, novidade da arquitetura da época doada por Oscar Americano de Caldas,amplas salas de ginástica com aparelhos de última geração, piscinas para adultos e para crianças, quadras poliesportiva e de tênis, campo para futebol society com grama sintética, sauna e lanchonete, além de oferecer cursos como: judô, capoeira, artesanatos, música, natação entre outros e  “ginástica calistênica”, uma novidade na época. Todas as atividades esportivas eram monitoradas por professores formados em curso superior de educação física. Nos três primeiros anos, pela falta de apoio da comunidade local, foram anos difíceis para a ACM Itaquera, só superando a crise quando o seu primeiro secretário executivo, Wilson Malandrino e, alguns dedicados acemistas, entre eles: Fernando E.S. Alves de Matos, José Albanese, Antônio dos Santos Oliveira, Arnaldo Henrique Viegas, José Carlos Gutierrez, José Renato dos Santos, Jose Carlos Mola, Wilson Canolla, Abel Ferreira, Joaquim Carlos de Carvalho, Antonio Jardim, que foram buscar apoio na liderança do vizinho bairro do Tatuapé, trazendo para cá os irmãos Gazarra, Flávio e Valdomiro, que trouxeram para a ACM Itaquera os seus companheiros do Rotary Clube Tatuapé e, por aqui, ficaram e   fundaram também um clube associativo em 1.979, o Rotary Clube Itaquera. Logo depois, a AIRI-Associação das Industrias da Região de Itaquera, o Clube Ana Jarvis, associação da ACM criadora do Dia das Mães, o Grupo Escoteiro Ventos do Leste,  contribuindo bastante para o sucesso da comunidade local. Na sede da ACM-Itaquera foram criadas várias campanhas em prol do progresso de Itaquera: Campanha Queremos Metro em Itaquera, SOS Santa Marcelina, fundação da Loja Maçônica Estrela de Itaquera,  Hoje, a ACM-Itaquera é considerada uma das mais importantes entre as doze existentes no estado de São Paulo e tem como seu secretário executivo o professor Márcio Nery.