Há 110 anos começava a imigração japonesa...

content image

 

*Sérgio Ocimoto Oda

Neste ano, os nipo-brasileiros comemoram os 110 anos da imigração oficial japonesa, quando no dia 18 de junho de 1908, atracava no Porto de Santos o navio Kasato Maru trazendo a primeira leva de imigrantes japoneses ao Brasil. E, à semelhança dos imigrantes de outras origens, os japoneses aportaram por aqui trazendo a sua cultura e com ela a sua contribuição para a composição cultural brasileira. Logo no início de janeiro, mais precisamente no dia 7, foi realizada uma celebração de Ano Novo, o “Shinnenkai” (“shin” = inicial, “nen” = ano, “kai” = encontro)  no Hotel Tivoli, em São Paulo, com a participação das principais entidades nipo-brasileiras, representantes da diplomacia e do empresariado japonês e autoridades paulistanas, como o prefeito João Dória e o vice-prefeito Bruno Covas. Com uma belíssima exposição de Ikebana (os arranjos florais japoneses) e com a tradicional Cerimônia do Chá, o encontro foi finalizado por um caprichado almoço brasileiro, onde não faltou o tradicional bife com batatas coradas. Antes do brinde, falaram aos convidados a Sra. Harumi Goya, presidente da Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa, o Sr. Yasushi Noguchi, Cônsul Geral do Japão em São Paulo e o prefeito João Dória. O brinde foi conduzido pelo Sr. Yoshiharu Kikuchi, Presidente Executivo da Comissão dos 110 Anos e Presidente do Conselho da Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo (Hospital Nipo-Brasileiro).
O prefeito João Dória destacou a importância da participação dos japoneses e de seus descendentes na formação da nação brasileira e a presença marcante das empresas japonesas na economia brasileira. Falou sobre “o engajamento dele e do Bruno Covas nas comemorações deste ano e sobre o compromisso de ambos na tarefa de conduzir a cidade sem decepcionar a confiança que a comunidade japonesa depositou na dupla”. Durante todo o ano de 2018, a comunidade nipo-brasileira estará empenhada em comemorar este marco. O ápice da comemoração deve ocorrer em julho, durante o Festival do Japão, com a vinda de representante da Família Imperial japonesa.
 
                             * Diretor Tesoureiro da Beneficência Nipo-Brasileira de São Paulo.